Prepare-se para ver a defesa mais desesperadora da temporada

Os jogadores do Minnesota Wild chegaram a comemorar o gol de empate no último segundo

Anúncios

Momento de angústia no Wells Fargo Center. O Philadelphia Flyers vence o Minnesota Wild por 3 a 2, mas sofre pressão nos segundos finais. Até que Charlie Coyle recebe o disco diante do gol aberto. Faltam três segundos e ele dispara. Os jogadores do Wild comemoram o empate.

A questão é… o disco não entrou. Michael Neuvirth, goleiro dos Flyers, se atirou e salvou com o taco, em cima da linha, a dois segundos do final. Até completar a defesa, restavam apenas 1,6 segundos na partida. Uma intervenção incrível e desesperadora para salvar a defesa do seu clube.

Veja os resultados da NHL nesta quinta:

Philadelphia Flyers 3×2 Minnesota Wild
Columbus Blue Jackets 6×1 New Jersey Devils
Toronto Maple Leafs 3×1 Carolina Hurricanes
Florida Panthers 3×2 Arizona Coyotes
St. Louis Blues 1×2 New York Rangers
Chicago Blackhawks 1×3 Nashville Predators
Dallas Stars 3×6 Winnipeg Jets
Calgary Flames 1×2 New York Islanders
Vancouver Canucks 5×3 Ottawa Senators
Los Angeles Kings 2×1 Edmonton Oilers

Goleiro fica de costas para a jogada e faz defesa ninja

A essa altura do campeonato, soltar um sorriso com uma defesa dessa é o que resta ao torcedor dos Canadiens

Não fale de goleiros perto de um torcedor do Montréal Canadiens. O time começou a temporada com Carey Price, talvez o melhor do mundo, e uma série histórica de vitórias. Quando o guarda-redes se lesionou (e não voltou até agora), o time se tornou um saco de pancadas. No momento, o que parecia uma trajetória de ponta se transformou em uma quase eliminação.

Mas o torcedor dos Habs ainda tem algo a celebrar. Se não é uma sequência avassaladora de vitórias, que recoloque o time na briga pelos playoffs (o Pittsburgh Penguins, oitavo do Leste, está cinco pontos à frente), é uma defesa ninja de Mike Condon que ajudou o time a vencer, fora de casa, o Washington Capitals, melhor time da liga disparado. Sério, como ele conseguiu defender esse arremate?

Veja os resultados da NHL nesta quarta:

Washington Capitals 3×4 Montréal Canadiens
Boston Bruins 5×1 Pittsburgh Penguins
Colorado Avalanche 4×3 San Jose Sharks
Anaheim Ducks 1×0 Buffalo Sabres

Jogador dá vários sopapos e derruba rival no gelo, mas é expulso porque estava com mão enfaixada

A punição parece estranha, mas a regra é mais rígida para brigas com elementos que podem machucar o adversário

New York Rangers e New Jersey Devils se odeiam há tempos, e um duelo entre ambos ser interrompido por briga é bastante comum. Por isso, não surpreendeu quando Sergey Kalinin, dos Devils, e JT Miller, dos Rangers, começaram a trocar sopapos no meio do dérbi nova-iorquino. Os dois foram punidos, o primeiro com exclusão e o último com expulsão. Qual a diferença?

Miller derrubou Kalinin com um belo ippon, mas não foi isso que o retirou de todo o resto da partida. O que tornou sua ação particularmente complicada é o fato de socar com a mão enfaixada. Isso mostra muito sobre o código de ética das brigas na NHL: com faixas na mão, o jogador aumenta a chance de machucar o oponente.

Foi o que ocorreu. Kalinin teve cortes no rosto, o suficiente para justificar a expulsão de Miller. O russo também estava enfaixado, mas não feriu o americano.

Veja os resultados da NHL nesta terça:

New Jersey Devils 5×2 New York Rangers
Carolina Hurricanes 3×1 Philadelphia Flyers
Toronto Maple Leafs 2×3 Nashville Predators
Detroit Red Wings 2×1 Columbus Blue Jackets
Tampa Bay Lightning 2×1 Arizona Coyotes
Minnesota Wild 1×4 New York Islanders
Winnipeg Jets 3×5 Dallas Stars
Edmonton Oilers 1×4 Ottawa Senators
Los Angeles Kings 2×1 Calgary Flames

Atacante se atrapalha e impede seu próprio gol

É até difícil entender o que aconteceu nessa jogada

Craig Smith estava com tudo na mão. O Nashville Predators empatava com o Montréal Canadiens e ele recebeu o disco de frente para o gol. Não tinha marcação, não tinha nem goleiro na sua frente. Era só empurrar o puck para o gol e comemorar a vitória na prorrogação.

Mas apareceu um obstáculo. O próprio Smith. Veja o vídeo abaixo com atenção, porque é difícil visualizar o que aconteceu. O taco seguiu seu movimento depois de acertar o disco. Com isso, ele ultrapassou o puck e acabou ficando no caminho, desviando a trajetória do arremate para a defesa do goleiro.

Bizarro.

Veja os resultados da NHL nesta segunda:

Boston Bruins 4×6 Columbus Blue Jackets
Washington Capitals 3×2 Arizona Coyotes
Montréal Canadiens 1×2 Nashville Predators (no shootout)
St. Louis Blues 3×6 San Jose Sharks

Sidney Crosby dá uma cama de gato no adversário, e não há nada de errado nisso

Buffalo tentou argumentar que jogada foi faltosa, mas craque dos Penguins apenas evitou uma trombada

Nicolas Deslauriers, do Buffalo Sabres, foi para a pancada em Sidney Crosby. O canadense do Pittsburgh Penguins não é muito chegado a tomar uma trombada, até pelo histórico de concussões. Resultado: se abaixou para evitar o pior. A consequência disso foi uma belíssima cama de gato, que fez Deslauriers sair voando.

//platform.twitter.com/widgets.js

O curioso é que muita gente protestou, alegando falta de Crosby por “clipping” (um check feito na altura do joelho do adversário). Os árbitros nada deram, com razão. O craque dos Penguins estava parado e apenas se protegeu.

Veja os resultados da NHL neste fim de semana:

Sábado

New Jersey Devils 0x1 New York Islanders
Carolina Hurricanes 5×2 San Jose Sharks
Columbus Blue Jackets 0x4 Buffalo Sabres
Montréal Canadiens 3×2 Philadelphia Flyers
Calgary Flames 5×2 Vancouver Canucks

Domingo

Buffalo Sabres 3×4 Pittsburgh Penguins
Minnesota Wild 6×1 Chicago Blackhawks
Anaheim Ducks 5×2 Calgary Flames
New York Rangers 1×0 Detroit Red Wings
Carolina Hurricanes 2×4 Tampa Bay Lightning
Vancouver Canucks 5×1 Colorado Avalanche

Goleirão, como você conseguiu tomar esse gol do outro lado do gelo?

David Legwand queria apenas se livrar do disco para seu time substituir os jogadores, mas…

Gols do outro lado do rinque são comuns no hóquei. Em praticamente todos os casos, é final de jogo, uma das equipes ficou sem goleiro na tentativa desesperada de empatar e um disco que atravessa lentamente o gelo se torna uma jogada perigosa. Mas, para um arremate atravessar todo o campo (no sentido de espaço, não de grama) e entrar, é preciso uma boa dose de ajudar do goleiro.

Foi o caso do segundo gol do Buffalo Sabres na vitória por 4 a 0 sobre o Columbus Blue Jackets. David Legwand fez um disparo longo para dar tempo de seu time trocar de linhas. Mas o disco acabou indo em direção ao gol, quicando no chão e enganando o goleiro Joonas Korpisalo. Fragaço.

Veja os resultados da NHL nesta sexta:

New Jersey Devils 0x1 New York Islanders
Carolina Hurricanes 5×2 San Jose Sharks
Columbus Blue Jackets 0x4 Buffalo Sabres
Montréal Canadiens 3×2 Philadelphia Flyers
Calgary Flames 5×2 Vancouver Canucks

O mais incrível dessa pancada é o juiz não punir o responsável

O pior é que a arbitragem acabou expulsando o técnico da vítima por reclamar

Trombadas fazem parte do hóquei no gelo, mas há um limite. E esse limite é definido na regra, incluinco pancadas diretas na cabeça. Justamente como a do vídeo abaixo, de Anton Stralman, do Tampa Bay Lightning, sobre Bryan Little, do Winnipeg Jets.

Uma pancada dura na cabeça de um jogador que estava desequilibrado e vulnerável. O pior é que a arbitragem não puniu Stralman pela jogada, como se fosse uma falta comum. Sobrou é para Paul maurice, técnico dos Jets que foi expulso por reclamar (com razão) da falta de pulso firme dos juízes.

Veja os resultados da NHL nesta quinta:

New York Islanders 2×3 Washington Capitals
Pittsburgh Penguins 6×3 Detroit Red Wings
Toronto Maple Leafs 2×4 New York Rangers
Ottawa Senators 4×2 Carolina Hurricanes
Tampa Bay Lightning 6×5 Winnipeg Jets
Florida Panthers 1×2 San Jose Sharks
St. Louis Blues 2×1 Los Angeles Kings
Nashville Predators 2×0 Boston Bruins
Edmonton Oilers 2×5 Minnesota Wild
Arizona Coyotes 6×3 Dallas Stars
Vancouver Canucks 2×5 Anaheim Ducks

Matt Dumba mostra como fazer um gol contra de cabeça no hóquei

O capacete dá uma força, mas parece uma jogada perigosa e arriscada

O hóquei no gelo deveria permitir a anotação do gol contra. Não como forma de crueldade, mas para reforçar historicamente o registro de lances bizarros ou engraçados. Como o segundo gol do Calgary Flames na derrota por 5 a 3 contra o Minnesota Wild nesta quarta.

O time canadense perdia por 3 a 1 quando Deryk Engelland tentou um arremate de longa distância. O chute foi torto e acertou a cara de Matt Dumba. Foi o suficiente para colocar o disco na rota certa, enganando o goleiro Devan Dubnyk e entrando no ângulo.

O tento foi creditado a Engelland como último jogador do ataque a tocar no disco. Mas a participação de Dumba merecia ser eternizada nas estatísticas.

Veja os resultados da NHL nesta quarta:

Colorado Avalanche 3×2 Montréal Canadiens
New York Rangers 3×5 Chicago Blackhawks
Calgary Flames 3×5 Minnesota Wild

Jogador sofre falta, mas é punido por fingir ter sido mais grave do que foi

O que ficou muito claro no lance é que Joseph Blandisi é um péssimo ator

Joseph Blandisi é uma das principais promessas do New Jersey Devils. O central de 21 anos está em sua primeira temporada na NHL, já anotando 11 pontos (quatro gols e sete assistências) nos 19 jogos em que participou. Mas, se não tiver sucesso no hóquei, ele já sabe que carreira NÃO perseguir: a de ator.

Nesta terça, o canadense protagonizou uma das simulações mais bizarras da temporada. Foi tão ruim que ele foi punido mesmo tendo sofrido a falta.

Foi na partida contra o Philadelphia Flyers. Andrew McDonald acertou uma tacada na panturrilha de Blandisi. Falta clara. No entanto, o jogador dos Devils saltou como se tivesse sofrido uma amputação. No final das contas, o árbitro deu dois minutos de punição para os dois jogadores: McDonald pela falta e Blandisi por querer induzir a arbitragem a ver a infração como mais grave do que ela foi.

Veja os resultados da NHL nesta terça:

New Jersey Devils 3×6 Philadelphia Flyers
Washington Capitals 3×1 Los Angeles Kings
Carolina Hurricanes 2×1 Winnipeg Jets
Columbus Blue Jackets 1×2 Boston Bruins
Ottawa Senators 2×1 Buffalo Sabres
Tampa Bay Lightning 2×4 San Jose Sharks
St. Louis Blues 2×1 Dallas Stars
Edmonton Oilers 3×5 Anaheim Ducks

Jogador dos Blackhawks faz patacoada e obriga goleiro a fazer defesa espetacular

Scott Darling fez uma ponte para salvar Teuvo Teravainen de erro em saída de jogo

Teuvo Teravainen tentou sair jogando depois de um ataque do Toronto Maple Leafs. Mas o central do Chicago Blackhawks se complicou e acabou perdendo o controle do disco. Uma jogada apetitosa para Nick Spaling, do Toronto Maple Leafs, que não titubeou em finalizar diante do gol vazio.

Só que ele não contava com a rapidez de Scott Darling. O goleiro fez uma ótima leitura da jogada e percebeu que viria um arremate no seu canto esquerdo. Ele saltou como se fizesse uma ponte no futebol e conseguiu uma das melhores defesas do ano.

Veja os resultados da NHL nesta segunda:

New York Islanders 4×1 Detroit Red Wings
Clagary Flames 4×6 Anaheim Ducks
Florida Panthers 2×1 Pittsburgh Penguins
Nashville Predators 2×3 Dallas Stars
Chicago Blackhawks 7×2 Toronto Maple Leafs
Arizona Coyotes 6×2 Montréal Canadiens
Vancouver Canucks 2×5 Minnesota Wild