Al Jefferson dá a dica para perder 12 quilos nas férias: desligar a TV

É preciso fugir às tentações do frango frito enquanto é tempo

Anúncios

O Charlotte Hornets conta com Al Jefferson para retornar aos playoffs. Já ficou no quase na temporada passada, mas tem motivos para ficar otimista desta vez. O pivô de 2,08 metros de altura diz ter feito os ajustes necessários para entrar forte em quadra. No caso, perder 12 de seus 130 quilos durante as férias. E sua receita para isso foi simples: desligar a TV e parar de comer frango frito.

MAIS COMIDA: Quer fazer um lanche fácil com restos do jantar? Não siga a dica desse jogador dos Celtics

“Uma coisa sobre perder peso: fica muito mais fácil quando você é disciplinado em relação ao que come, cortar o açúcar e o amido”, comentou em entrevista ao jornal Charlotte Observer. “Uma vez que eu entrei na rotina, ficou muito fácil.”

Segundo ele, o difícil foi entrar nessa rotida. Nativo do Mississipi e morando na Carolina do Norte, Jefferson tem ligação grande com o Sul dos Estados Unidos, região dominada pelas comidas gordurosas, sobretudo frango frito. “Eu tinha de desligar a TV sempre que começava a passar a propaganda do Popeye’s”, contou, referindo-se a uma rede de restaurante fast food de comida típica da Louisiana.

 

De fato, olhando uma foto com os pratos servidos pela rede, dá para imaginar como seus clientes assíduos devem ter problema para controlar o peso.

Uma amostra de pratos do Popeye's: frango frito, cajun fries (batata frita estilo do Sul), cole slaw (salada de repolho) e arroz com feijão vermelho
Uma amostra de pratos do Popeye’s: arroz com feijão vermelho, frango frito, cajun fries (batata frita estilo do Sul) e cole slaw (salada de repolho)

[Resumão da NBA] Enterrada-monstro de Blake Griffin, e teste de fogo para a reação dos Knicks

O New York venceu seis seguidas, mas testará sua força no confronto contra o Indiana Pacers

Blake Griffin ignora Stephen Curry e enterra (AP Photo/Danny Moloshok)
Blake Griffin ignora Stephen Curry e enterra (AP Photo/Danny Moloshok)

BALANÇO

O jogão

16/mar – Portland Trail Blazers 112 ×113 Golden State Warriors

O Golden State está atualmente na zona de classificação para os playoffs, e seu bom retrospecto recente de sete vitórias nos últimos dez jogos teve no confronto contra o Portland um importante capítulo. O jogo foi bastante equilibrado, e após irem para o intervalo do segundo para o terceiro quarto com 11 pontos a menos, os Warriors conseguiram reverter a situação na metade restante de jogo e vencerem por um ponto de diferença. O arremesso de três de Klay Thompson, a 11 segundos do fim, que virou o jogo para os visitantes, foi o ponto alto da partida.

O cara

Al Jefferson

O Charlotte venceu suas três primeiras partidas da última semana, e Al Jefferson foi essencial para todos os triunfos. Em dois desses jogos, conseguiu duplo-duplos de pontos e rebotes, tendo contra o Washington sua melhor atuação. Contra o Atlanta, a sequência de vitórias foi encerrada, mas foi mais um duelo com duplo-duplo para o atleta. Essas atuações acabaram rendendo ao jogador o prêmio de melhor da semana na Confederência Leste.

Os brasileiros

Nos três jogos que fez na semana com os Spurs, Tiago Splitter venceu todos, participando em média de 22.3 minutos por jogo. Seu maior destaque veio contra Portland e Utah, quando marcou, respectivamente, 12 e 14 pontos, além de ter conseguido dez rebotes em cada um desses dois duelos. Na vitória tranquila sobre os Lakers, pouco contribuiu.

Anderson Varejão e os Cavaliers sonharam com uma semana perfeita, mas as expectativas foram por água abaixo logo que o nível dos adversários aumentou. Depois de vitórias contra Phoenix e Golden State, derrotas para Clippers e Miami. O revés para a franquia de Los Angeles, em especial, por 22 pontos de diferença, foi para se esquecer.

Vitor Faverani, Leandrinho e Nenê seguiram sem atuar durante esta última semana.

A jogada

Blake Griffin

Blake Griffin aparece com a jogada da semana pela segunda vez seguida com esse rebote fantástico. Mesmo longe do aro, Griffin apostou que chegaria a tempo e não deixou a jogada dos Clippers acabar com o arremesso errado. O jogo acabou com vitória da franquia de Los Angeles sobre o Golden State, e o jogador foi o cestinha de sua equipe.

ROTEIRO

O jogão

22/mar – Golden State Warriors x San Antonio Spurs

Ultimamente, qualquer partida do San Antonio tem valido a pena ser acompanhada. A campanha dos Spurs deu uma guinada, e o líder da Conferência Oeste está atualmente com uma sequência de dez vitórias na liga. É esse o principal adversário que o Golden State enfrentará nesta semana, em sua busca pela vaga nos playoffs. A situação da franquia é relativamente tranquila, na sexta colocação, mas vencer um time como o San Antonio, nessas circunstâncias, seria de grande ajuda moral para o restante da temporada regular. Se Stephen Curry estiver inspirado como esteve na vitória sobre o Portland, os Warriors têm uma chance de surpreender.

Fique de olho

19/mar – New York Knicks x Indiana Pacers

Abram alas, porque os Knicks querem passar. A franquia de Nova York tem muito mais derrotas que vitórias nesta temporada, mas sua reação recente enche de esperança os nova-iorquinos de que ainda há chances de uma classificação para os playoffs. Após uma sequência de quatro derrotas, os Knicks já venceram seus seis últimos jogos, e o difícil teste contra o forte Indiana nesta quarta-feira é uma ótima provação para esse retrospecto recente positivo. Uma vitória impulsionaria de vez a equipe na caça ao Atlanta, oitavo colocado e com quatro vitórias a mais.

Passe longe

22/mar – Utah Jazz x Orlando Magic

Com a péssima temporada dos Lakers, seria preciso ser muito ruim para ter uma campanha pior que a tradicional franquia de Los Angeles, e o Utah está conseguindo isso. São nove derrotas nos últimos dez jogos, e no dia 22 o time terá pela frente o Orlando, que também não está nada bem, perdeu maioria de seus duelos e vem de uma sequência terrível de seis reveses consecutivos. Nada mais horrível que isso para essa semana.

Na TV

19/mar, 21h – New York Knicks x Indiana Pacers (ESPN)
19/mar, 23h30 – Los Angeles Lakers x San Antonio Spurs (ESPN)
21/mar, 20h30 – Miami Heat x Memphis Grizzlies (ESPN)
22/mar, 23h30 – Golden State Warriors x San Antonio Spurs (Sports+)
24/mar, 20h30 – Miami Heat x Portland Trail Blazers (Sports+)
25/mar, 21h – Dallas Mavericks x Oklahoma City Thunder  (Sports+)
25/mar, 23h30 – Los Angeles Lakers x New York Knicks (Space)