Você verá poucas coisas tão emocionantes quanto o choro de Dee Gordon ao rebater esse home run

Foi o primeiro jogador do Miami Marlins a ir ao bastão após a morte de José Fernández

Anúncios

Miami Marlins x New York Mets não seria um jogo normal. Era a primeira vez que o time da Flórida entraria em campo após a morte de José Fernández, seu melhor arremessador (e escalado originalmente para essa partida contra os nova-iorquinos). Antes da partida, as duas equipes participaram de homenagens e o clima do estádio era claramente pesado e emotivo.

Tudo isso se misturou e explodiu no primeiro ataque dos Marlins. Dee Gordon, o primeiro rebatedor da equipe, conseguiu um home run. O shortstop chorou enquanto percorria as bases e, ao chegar ao banco, foi acolhido por companheiros que também deixavam as lágrimas escorrerem livremente.

Todos no estádio choraram esse home run. Mas, se José Fernández está em algum lugar agora, ele certamente teve uma reação bem diferente, ainda mais porque o Miami venceu por 7 a 2. Ele simplesmente não conseguiria deixar de se divertir com o esporte que tanto amou e com uma vitória de seus companheiros.

//platform.twitter.com/widgets.js

José Fernández voltou de contusão mostrando por que é um dos melhores do mundo

Arremessador dos Marlins ficou 13 meses parado por lesão, mas estreou detonando os Giants no montinho e no bastão

O Miami Marlins tem um talento incrível para decepcionar o público. Nesta temporada, como em tantas outras, dava pinta de que estaria forte e brigando por playoff, mas o time não sai do lugar. A única coisa interessante de ver eram os home runs estratosféricos de Giancarlo Stanton, até que ele se lesionou semana passada. Mas não se desespere, José Fernández finalmente está de volta.

VEJA MAIS: Russell Wilson pensa em jogar beisebol se seu contrato da MLB chegar aos Mariners

O arremessador cubano ficou 13 meses fora de ação por uma contusão no braço. Retornou nesta quinta, e detonou como um dos melhores do mundo normalmente faria. Liderou sua equipe na vitória sobre o San Francisco Giants com seu slider teleguiado e completou o serviço com um lindo home run em cima de Matt Cain.

Estávamos com saudades, José!

Veja os resultados da MLB nesta quinta:

Tampa Bay Rays 4×5 Cleveland Indians
Miami Marlins 5×4 San Francisco Giants
Detroit Tigers 4×8 Pittsburgh Pirates
New York mets 1×6 Chicago Cubs
Philadelphia Phillies 7×8 Milwaukee Brewers
Baltimore Orioles 0x2 Texas Rangers
Toronto BLue Jays 6×12 Boston Red Sox
Atlanta Braves 2×1 Washington Nationals
St. Louis Cardinals 3×5 San Diego Padres
Kansas City Royals 0x2 Minnesota Twins
Arizona Diamondbacks 8×1 Colorado Rockies
Oakland Athletics 4×0 Seattle Mariners

[Roteiro MLB] Fique ligado que essa semana tem jogão no Texas

Rangers e Athletics fazem a série mais legal da semana; Rienzo enfrentará o Tampa Bay Rays

Chris Giménez, dos A's, mostra a bolinha após fazer o tag em Alex Castellanos, dos Rangers (AP Photo/Gregory Bull)
Chris Giménez, dos A’s, mostra a bolinha após fazer o tag em Alex Castellanos, dos Rangers (AP Photo/Gregory Bull)

A série imperdível 

Texas Rangers x Oakland Athletics
Segunda a quarta, 28 a 30/abril

Três jogões entre os dois times de melhor campanha na Liga Americana. Texas e Oakland dividem a ponta da Divisão Oeste com 14 vitórias e 8 derrotas e um dos dois dormirá na quarta como líder isolado. O grande jogo é o primeiro: um duelo no montinho entre Yu Darvish e Sonny Gray.

O reencontro

Clay Buchholz x Toronto
Sábado, 26/abril

Não seria um reencontro problemático, mas os acontecimentos desta semana vão colocar o arremessador do Boston Red Sox sob os holofotes. Na quarta, Michael Pineda, dos Yankees, foi excluído por usar substância irregular para ajudar em seus arremessos contra os Red Sox. Agora, qualquer caso semelhante receberá uma atenção maior da mídia. Em 2013, Buchholz foi acusado pela imprensa de Toronto de usar uma substância no antebraço durante uma partida contra os Blue Jays no Rogers Centre. Ocorreu em maio, mas as duas únicas vezes que o arremessador enfrentou o Toronto foi no Fenway Park.

>>> Pineda foi expulso por ser ruim de malandragem, não por ser trapaceiro

O duelo de arremessadores

José Fernández x Alex Wood
Terça, 29/abril

É a revanche entre as promessas de Miami Marlins e Atlanta Braves. Na última terça, eles se enfrentaram em Atlanta. Wood foi fantástico, com 8 entradas, 11 strikeouts, 4 rebatidas e uma corrida cedida. Não dá para dizer que era impossível ser melhor porque Fernández foi, de fato melhor. O cubano também ficou 8 entradas no montinho, conseguindo 14 strikeouts, cedendo apenas 3 rebatidas e nenhuma corrida. Ah, e nenhum deles cedeu walk. Fantástico.

Fique de olho

St. Louis Cardinals x Milwaukee Brewers
Segunda a quarta, 28 a 30/abril

Os Cardinals são um time forte, favoritos na Divisão Central da Liga Nacional e que, principalmente, cultivam a cultura da velha guarda do beisebol. Vão receber os Brewers, time que surpreendentemente lidera essa divisão e que tem um estilo muito menos solene, com jogadores fanfarrões e muitas polêmicas. Há três anos, os confrontos entre essas duas equipes (finalistas da Liga Nacional) gerou faísca. Talvez volte a ficar quente nesta semana.

Philadelphia Phillies x New York Mets
Segunda e terça, 28 e 29/abril

Um jogo que não receberá a atenção que merece. Os Phillies fazem uma campanha muito inconstante, mas têm experiência e um elenco com alguns jogadores acima da média. Os Mets surpreendem, ocupando a segunda posição da Divisão Leste e ocupando provisoriamente uma das vagas de repescagem para os playoffs. E a isso se acrescenta o fato de se tratar de um clássico, um jogo entre duas equipes rivais.

Brasileiros

Yan Gomes

O Cleveland Indians tem duas séries difíceis na Califórnia. De sexta a domingo estará em São Francisco para enfrentar os Giants e, nos três dias seguintes, pega os Angels em Anaheim.

André Rienzo

O arremessador está escalado como abridor na partida desta segunda, em que o Chicago White Sox recebe o Tampa Bay Rays. Seu oponente no montinho será Jake Odorizzi, que está com 6,52 de ERA após quatro partidas.

>>> Por que a reestreia de Rienzo foi melhor que os números básicos mostram

Passe longe

Arizona Diamondbacks x Philadelphia Phillies
Sexta, 25/abril

A série em si não é das mais apetitosas, sobretudo pelo Arizona, time de pior campanha na liga até agora. Mas o jogo desta sexta dá menos motivo para otimismo. Os arremessadores serão Josh Collmenter e Roberto Hernández (ex-Fausto Carmona), dois abridores bastante comuns. Menos mal que, no sábado, a série continuará com um bom duelo entre Bronson Arroyo e Cliff Lee.

Programação de TV

Sexta, 25 de abril

20h – New York Yankees x Los Angeles Angels (ESPN+)
23h10 – Colorado Rockies x Los Angeles Dodgers (Fox Sports 2)

Sábado, 26 de abril

17h05 – Pittsburgh Pirates x St. Louis Cardinals (Fox Sports 2)

Domingo, 27 de abril

21h – New York Yankees x Los Angeles Angels (ESPN)

Segunda, 28 de abril

21h – Chicago White Sox x Tampa Bay Rays (ESPN+)

Quarta, 30 de abril

21h – Boston Red Sox x Tampa Bay Rays (ESPN+)

* Informações fornecidas pelas emissoras. Sujeitas a alterações sem aviso prévio.

José Fernandez termina temporada com estilo: arremessando, rebatendo… e brigando

Cubano deu uma de fanfarrão depois de rebater seu primeiro home run na carreira e motivou confusão

Jogadores de Marlins e Braves trocam empurrões, enquanto José Fernández (centro) ri (AP Photo/Lynne Sladky)
Jogadores de Marlins e Braves trocam empurrões, enquanto José Fernández (centro) ri (AP Photo/Lynne Sladky)

O arremessador cubano José Fernández provavelmente foi a única boa notícia do Miami Marlins o ano todo. Ele tem uma bola rápida excelente, e um repertório de bolas de efeito de dar inveja. Mas ele chegou a mais de 160 entradas arremessadas em sua temporada de estreia. Por isso, o time decidiu encerrar sua participação em 2013 nesta quarta, na vitória por 5 a 2 contra contra o Atlanta Braves. E ele fez questão que o jogo fosse marcante.

Fernández jogou demais: 7 entradas, uma corrida cedida. Seu normal, que o levou a uma temporada de 12 vitórias e 6 derrotas, ERA de 2,19. Mas ainda rebateu um home run, o primeiro de sua carreira, e arrumou uma briga. Ao conseguir a rebatida sobre Mike Minor, ele ficou contemplando o voo da bola, atitude considerada desrespeitosa. Depois, cuspiu na terceira base enquanto percorria as bases.

Claro, os Braves não gostaram e o empurra-empurra começou. Depois, o cubano explicou que ficou irritado como Evan Gattis, do Atlanta, havia reagido após rebater um home run na sexta entrada e quis a desforra. Mas ele pediu desculpas por terminar a temporada assim.